sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Lanternas de vidro reciclada

Sabem aquelas lanternas de vidro reciclado? Pois é, eu fiz as minhas. Parecia que ouvia minha mãe ( já estrelinha no céu) dizendo: Enquanto você não estragar, não sossega!!!
Ô mãe, já estou velhinha, deixa eu brincar de fazer lanterna!  E depois é feito com material baratinho , que se tem em casa. Sabe aqueles cacarequinhos de miçangas, arame, e tudo o que se guarda? Um dia tem serventia. 


Separei o material: Cola branca ou cola pano, pérolas, velas, vidros de conserva e toalhinhas de crochê. ( Não precisa esse tanto de alicates) . Mas é necessário dois palitos de churrasco para colocar a velinha dentro do vidro! Comprei as toalhinhas num brechó por R$ 1,00. Tão lindinhas, que quase desisto de usar!
Comecei fazendo as alcinhas com um arame maleável e pérolas. No outro utilizei cristais de resina. Depois de colocar as alcinhas, passei cola nos vidros e moldei as toalhinhas. 
Ficou faltando um pedacinho atrás, mas nem é percebido.

Então , foi a hora de fotografar. Percebi que não tinha nenhum lugar para pendurar.
Lanterna , fica bem penduradinha! 

Nunca me dei conta do lance da boa fotografia. Quanto mais me preocupo, pior fica.

Hora da verdade: Não gostei do efeito das lanternas com a toalhinha de crochê. Ao acender a vela, senti que o vidro esquenta muito e veio a preocupação: O vidro , estoura?
Pensei nesse vidro de geleia, com rendinhas, como já vi na Internet, mas já fui desistindo. A vontade da lanterna reciclada, já passou. Desmanchei tudo. Lavei as toalhinhas e estão lá no secador de roupas. 

Minhas velinhas, acendo assim mesmo, nesses castiçaizinhos de vidro.
Quando bate a vontade, acendo uma velinha e solto a imaginação.
Já aconteceu com vocês a desistência de algum projeto?


terça-feira, 26 de novembro de 2013

Semana atribulada , mas produtiva

Flores  com carinho para vocês!
Estou voltando. Voltando com saudades! Obrigada pelos carinhosos comentários! A semana foi longa e atribulada, mas não vou reclamar. Está dando tudo certo.
 Aproveitei as horinhas para terminar algumas costurinhas. Uma delas foi jogos americanos costurados a mão, que eu mencionei aqui . Enviei pelo correio  quadrinho para Manias da Diva no  Recife pela minha colaboração na B.C. da Turqueza  ,  a  bruxinha sorteada  para Maria Cissa. (que já recebeu)  e galinhas, jogo americano e coração  para a sobrinha do marido, a Larissa. 

Aproveitei o tempo para aliviar o estresse fazendo minhas colagens com conchas. Utilizei um poster antigo que haviam jogado no lixo do prédio. 
Eu chamo de placa de conchas, pois quadro costuma ter moldura. É um reaproveitamento do descartável. Pintei com tinta pva branca e a cola utilizada foi a cola branca. 
  Não tem simetria, e sim inspiração . Vou colando histórias. As conchas cor de rosa, são de Rio das Ostras e era um padrinho meu (falecido) quem catava e me dava. Adeus conchas, a não ser que eu vá lá buscar. Mas prometi não pegar mais conchas, uso as que eu tenho em casa. 
A placa, como eu chamo,  pode ser colocada de várias formas, inclusive na horizontal.
Esse é o quadrinho que foi para o Recife. Bem simples e leve.
Antigamente eu fazia com  várias cores. Aqui para recordar, pintando o vidro com verniz vitral.
Essa foi a semana e agora vou visitar quem esteve me visitando e me acarinhando!!!
Muiiitas saudades!

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Sem água e em recesso

Água. Fonte da vida. No vídeo abaixo água que percorre caminhos.
( Jardim Botânico do R.J. onde estive sábado)
video
Água! água que brota entre paredes que escorre até ao chão.
Essa água fonte de vida, precisa de reparos nos canos roídos pelo tempo.

A minha semana começa assim com muita fé e esperança de que a reforma dos canos na cozinha tenha o esperado sucesso.  Água jorrou abundantemente agora há pouco nos lugares indevidos.
E a água de vários apartamentos tiveram que ser fechadas devido a esse imprevisto.
Minha semana começou assim, e a de outros também. Sem água para ter água.Água que é incolor. Para colorir a semana! Pois ela é tão necessária.

Eu só volto a postar, quando tudo estiver resolvido e restabelecido.Vai demorar alguns dias, Então até lá!

Participando com a querida Anne
E teremos um feriado quarta feira
Vamos comemorar  conscientemente

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Tag: Dicas culinárias

Estou participando do papo de comadres a convite da Bia - Pequenos Grandes Pensantes.
Tenho poucas dicas, mas eu não poderia recusar esse convite da minha amiga Bia. Para isso tenho que:
Incluir o banner na postagem
Informar o link do blog que a produziu
que é a tag: 
/http://meudocelarbykarinfilgueira.blogspot.com.br/

Regrinhas::  Listar uma ou mais dicas que você use/goste/conheça
Indicar 5 blogs e avisá-los, não esquecendo de solicitar aos mesmo que a avise
assim que publicarem o post referente à tag.
Eu indico  os seguintes  5 blogs amigos para participar:
Cantinho das Li 
Decor Beleza 
Dividindo Experiências
Eu que fiz ou quase isso
Cde Cici
Mas se você quiser participar , minha amiga, fique a vontade , pegue a tag
e de suas dicas  culinárias. Vou gostar de saber!

As minhas dicas  são:
Feijao: Salgou o feijão? Coe o caldo. Refogue novamente , junte mais água e coloque uma batata crua e descascada. O salgado desaparece. Vai ficar saboroso novamente.

Arroz: você quer fazer o arroz antecipado e manter quentinho? Envolva a panela em papel toalha, a seguir em papel alumínio e coloque dentro do forno frio, sem ligar. Ele ficará quentinho por muito tempo, antes de servir. 

Limão: gotinhas de limão no doce de banana vai deixar mais gostoso e moreninho. Também pode colocar gotinhas de limão ao fazer quiabo. Fica sequinho e gostoso.

Colher de pau: É bom que se tenha  colher de pau separadas para doce e salgados. Eu uso as redondas para doce, e as quadradas para os salgados. Fazer um doce com gosto de alho, não é nada bom!

Vidros: Sobrou algum produto que você usou?  transfira para vidros secos e limpinhos: molho de tomate com um fio de azeite, creme de leite, leite condensado, ou qualquer outro produto que usar. Guarde na geladeira e utilize o mais rápido possível. 






E pra dizer que não faço receitinhas, vou mostrar meu almoço natural  (com ovo)
Cuscuz marroquino, omelete com alho poró e arroz sete grãos com cogumelos e tomates orgânicos.
O cuscuz marroquino é feito com sêmola de trigo duro. É granulado. Eu coloco água quente para hidratar. Suficiente para cobrir. Depois coloco damascos, passas, castanha do Brasil,  amendoas.
Azeite e sal. Enformo individual.
Para o arroz integral sete grãos, cozinho bastante. Junto um molho feito com tomate orgânico e cogumelos em conserva, picadinhos. Enformo individual.
Omelete : douro o alho poró e depois junto ovo batido com queijo ralado.
Simples, porém gostoso. Alimenta bem!
(por isso sou fortinha, rsrs)


quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Almofada de retalhos

Aproveitando os retalhos de tecido, resolvi fazer uma almofadinha. Não sou muito fã do Pinterest, pois ele tem um imã, quando entro não saio mais. Fico magnetizada com tantas ideias e criações. Mas um dia, eu vi pela internet uma almofadinha descolada, toda esfiapada, costurada de um jeito que minha maquina adora! Ela emperra e não costura. A costura fica irregular. Foi assim, ao costurar o miolo da flor. Vrummm, vrumm, emperrou ... Deu certo.

Separei os retalhes e cortei vários círculos com a tesoura de picotar.
Dobrei  em quatro , vinquei com o ferro.
Fiz o formato de flor e costurei o miolo. Com o vaso, é a mesma coisa, costura!. O ideal é com uma linha contrastante , é   tudo costurado a máquina.
Costurei toda a volta da almofada pelo lado direito, e coloquei o plumante. Fechei na máquina.
Essa é a proposta.  Em , volta fica toda com fiapinhos do tecido.
Eu gosto de roupas assim, tive saias, agora tenho uma bermuda jeans que tem a bainha assim.
É uma forma de aproveitar os retalhinhos, concordam?
Você tem retalhinhos? me digam o que mais posso fazer com os meus?
( Amanhã, feriadão! vamos costurar ou vamos passear?)



terça-feira, 12 de novembro de 2013

7º BookCrossingBlogueiro

Acabei de ver com a Adriana Balreira sobre o Book Crossing Blogueiro uma iniciativa do blog Luz de Luma. Trata-se de liberar um livro em algum local , permitindo que ele seja lido e liberado novamente, com o objetivo de incentivo a leitura. 
Ano passado eu não participei, pois o tempo foi passando , passando e eu não liberei o livro.
Eu sempre quero imprimir esse selo, mas a impressora não está programada, então depois de ver no blog da Adriana, escrevi a mão mesmo, simples assim e liberei o livro que já estava destinado para esse fim.

Essa é a etiqueta que poderá ser colocada dentro do livro para que a mensagem do livro liberto possa ser entendida e divulgada. Você pode liberar quantos livros quiser .

Esse foi o livro liberado. Acabei de liberar , aqui mesmo no prédio.
Eu fico adiando, procurando um lugar. Pronto, encontrei. Foi aqui mesmo.

Transcrevi o selinho.

Aqui transitam muitos moradores.

Muito calor, quase 40 graus. Livrinho, por favor não derreta!


Logo, logo será encontrado, lido e liberado.
Divulgue essa ideia e conte para a Luma

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

A suavidade no ser

Admirar algo que se faz

Com a simplicidade das coisas encontradas

Com a paciência e amor da criação inspirada

Faz-me ver   as cores  ainda que suavizadas.
( quadro de conchas - By Zizi - 2004)

Desejo a todos que tenham uma semana
 alegre ,  de coisas boas e suaves,
 mas que possam marcar a vida!



Participando da semana colorida
da Menina Voadora - Anne Lieri  - aqui

sábado, 9 de novembro de 2013

Um passeio de 2012

Ano passado, aqui no R.J. teve uma exposição 50 anos da carreira de Regina Duarte, que interpretou  Chiquinha Gonzaga numa minissérie na tv.

Sou apaixonada pela música da Chiquinha Gonzaga, que foi a primeira maestrina brasileira (1858). Regina Duarte interpretou lindamente.


As fotos foram muitas, mas eu foco no vestido e na réplica dos móveis dos anos 50, 60 e 70

Vamos recordar?  Em nossa casa o  secador de louça não era assim não,  era de madeira.





Eu lembro desses potes e do pinguim. 




Demorou anos para  ter o nosso primeiro telefone.

Meu irmão do meio escangalhou rapidinho o botão da televisão.


Em 1960, meu pai comprou uma televisão em suadas prestações a perder de vista.
era um modelo parecido. Era ele quem ligava, depois minha mãe aprendeu.
Eu ficava esperando ele chegar do serviço para assistir a tv. Mas a energia era fraca e a imagem não aparecia. Ficavam listras horizontais. Só ouvia o som. Depois foi comprado um estabilizador e assim eu pude assistir um pouco mais de : Rin tin tin, Tarzan, Emília
Os programas eram ao vivo, tipo: Almoço com as estrelas, novelas da TV. Excelsior.
Chega, chega de nostalgia. Vamos viver o maravilhoso ano de 2013!

Bom fim de semana!








sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Cestinhas - Flor

facopinturinhas
Eu e as costurinhas novamente. Quando vi essas cestinhas na Camomila Rosa e Alecrim (fonte ) que viu na
Craft Room (fonte) , me apaixonei por elas e  pensei em fazer também. 

Zizi Santos
Escolhi os tecidos

Zizi Santos
desenhei o molde 

Zizi Santos
E eis o resultado! ( levou algumas horinhas e o café da manhã já tinha passado)
Como eu não fiz biscoitinhos, coloquei alguns pãezinhos.
Casa sem criança e eu querendo emagrecer, evito fazer coisas gostosas.
O molde , conforme a Camomila fala, é em formato de flor , costurada com dois tecidos e manta acrílica. Depois é  só desvirar a costura da flor e dar uns piques e juntar as pétalas com pontinhos.

Zizi Santos

Usei tecido gorgurinho e ela ficou  mais encorpada. O tecido vermelho é mais molinho, a cestinha ficou mais aberta. 
Pode colocar botõezinhos, flores. Eu não tinha deixei simples. Adorei fazer! 


Falando em costurar, outro dia , no Facebook encontrei a seguinte frase que achei muito reflexiva:

"E o bonito desta vida é poder costurar os sonhos, bordar histórias e desatar os nós de nossos dias."
Eu tento!

Desejo a todos um lindo final de semana!
Até segunda!








quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Vidro de perfume

Zizi Santos
Eu, que adoro vidros, nunca tinha tinha pensado em reaproveitar os vidros de perfume.
Guardei dois vidros pois,  foram os filhos que me  deram no dia das Mães quando eram crianças.
Zizi Santos
Eu gosto das fragrâncias dessa marca. Ultimamente não as tenho.
O vidro vazio é assim, fosco e bonito. Gostei com a rosa.
Traz lembranças de um tempo que não volta mais.
Daqueles presentinhos escondidinhos para fazer a surpresa. 
Zizi Santos
Tenho também, as miniaturas guardadas numa caixinha.
( se formos guardar tudo! não há espaço que de conta!)
Vocês tem alguma sugestão de algum artesanato, ou enfeite?

Zizi Santos
Mas olhando pela internet, vi várias sugestões de como reaproveitar os vidros de perfume.
 As ideias são muitas e o assunto é bem variado.
Dá para aproveitar o frasco de perfume fazendo um  difusor, muito lindo mesmo.
Essa rosa está linda não está?
Fiz do meu vidro algo simples, para que eu possa olhar e lembrar dos momentos vividos.
Água e uma rosa colhida furtivamente .


" É nas coisas mais simples e anônimas que se encontram os maiores tesouros da emoção".
- Augusto Cury -

E vocês, como reaproveitam os vidros de perfumes? Contem pra mim!




Fonte

Fonte

Fonte

Fonte